domingo, janeiro 29

Ministro do comércio nomeia filha de 24 anos para o cargo de director-adjunto.

É de facto preocupante a postura dos nossos governantes!
Nem UNITA nem MPLA! Todos eles olham apenas para os seus bolsos. É desesperante ver o declínio sistemático dos valores de uma Nação como a nossa reduzida a meia dúzia de usurpadores de prepotência desmesurada. Desta vez (sim! Já ouve outras nomeações a familiares), o ministro do comércio nomeou a sua filha de 24 anos, estudante do 3º ano do Curso de informática, no Instituto Superior Privado de Angola (ISPRA), para ocupar o cargo de directora-adjunta do seu gabinete. A caloira inexperiente vai auferir um salário que, segundo o semanário Angonotícias, ronda os 70 Mil Kwanzas (700,00 Euros) mais subsídios diversos e privilégios inerentes ao cargo. A contratação desprezou antigos funcionários seniores, com experiência e muitos anos de casa e dedicação.

Reportagem a ler na íntegra clicando aqui.

2 comentários:

Olho Atento disse...

É triste o que se vive ainda no país, nossa pátria querida. Estamos atentos. E sempre que a censura não nos atingir faremos tudo para pôr a nú verdades verdadeiras.

SC

Kamia disse...

Mas...ninguem faz nada? Ninguem se manifesta? Oposição?Sociedade civil? Não?