sexta-feira, fevereiro 24


Ainda a propósito do último post… Uma notícia deveras triste, chocante e vergonhosa. (fico a dever muitos mais adjectivos para qualificar esta notícia)

ANGOLA É O SEGUNDO PIOR PAÍS DO MUNDO PARA SE NASCER.

Tanto petróleo (segundo maior produtor de petróleo, de África), tantos diamantes e só uns é que gozam…
Como cidadão de um país com essa estatística, sinto-me envergonhado. Amo a minha pátria, mas envergonho-me dos meus dirigentes que se dizem patriotas. Se eu fosse governante de um país que tivesse esse ranking, não conseguiria dormir a noite. Mas isso sou eu…

Quase de certeza que eu também seria um governante corrupto. Meus Srs. não sou hipócrita!.. a ocasião faz o ladrão e numa sociedade como a nossa em que os cidadãos não se manifestam, mais fácil é roubar. Eu também roubaria o meu quinhão, afinal Angola é tão rica… tãaao rica… mas tãaaaao rica que chega para roubar e mostrar obra, nem que seja só para “Inglês ver”.

Exmos. Srs. que reinam Angola por favor olhem para esses números, ponham a mão na consciência, ou no pouco que resta dela.

A desculpa de outros tempos era a guerra! E agora???
.
.
Noticia Angonotícias a ler na íntegra clicando aqui

3 comentários:

Phwo disse...

De tanto "passar" habituámo-nos a dizer:"É o país que temos, vamos fazer mais como então?...". Infelizmente hoje diz-se: "São os dirigentes que temos, vamos fazer mais como então?...).
E aqui está o problema: resignação ou impotência perante o caos?
Daí as nossas eternas lágrimas enxugadas nos olhos mas ferindo-nos a alma enquanto tivermos de assistir aos tristes momentos.
Um abraço para ti, sem a esperança de que tudo mudará nos nossos tempos, mas sem desistir de acreditar que melhores dias TERÃO de vir.

Shara disse...

Agora já não ha desculpas...
Já não podemos dizer q não sabiamos q o nosso país estava assim pq está escrito no jornal. Já não podemos dizer q é "através" da guerra porque a guerra já acabou(embora estejamos numa fase recente d pós guerra e isso tenha as suas consequências)...

Podemos sempre pôr as culpas nos dirigentes mas também podemos culpabilizar-nos a nós e aos q nos rodeiam, porque não temos consciência social. Simplesmente habituámo-nos. São mecanismos d defesa. Dói ver então fechamos os olhos.

Concordo com o/a pwo quando diz que temos d acreditar que melhores dizas terão d vir... Esperemos q sim. Eu não queria perder a esperança mas não perder a esperança magoa muito.
Ainda ontem li um report da AMI em que a taxa d má-nutrição grave no municipio da Jamba tinha diminuido de 4.3% para 0.1%... (http://www.fundacao-ami.org/ami/artigo.asp?cod_artigo=169310)

Umaluzinha ao fundo do túnel...

Mas se num dia nos enchemos d esperanças no dia seguinte somos bombardeados com informação 3 vezes pior...

Enfim, acima d tudo axo q pelo menos podemos tentar sensibilizar e esperar q a minoria de angolanos q tem acesso a água potável, luz electrica, comida, transportes, computadores e etc (sim, somos nós!) caia em si e veja q está na hora d começar realmente a preocupar-se c o q realmente importa.

Léa disse...

Olha amigo, aqui no Brasil que é um país lindo e maravilhoso, também é vergonhosa a política.Roubam até a alma das pessoas. Agora compreendo que esse sentimento de nojo é universal.
Um Abraço. Me visite:www.leasimplesmente.blogspot.com/